colunista

Bacelar

Já exerceu 4 mandatos de vereador em Salvador, onde foi também Secretário de Educação; Atualmente é Deputado Federal. Escreve às terças, a cada duas semanas.

Em nossas colunas anteriores, temos mencionado que o descaso histórico pela Educação é, sem sombra de dúvida, um dos maiores problemas do Brasil; até porque a Educação de qualidade, por si só, pode melhorar os índices de emprego (através da qualificação profissional), da saúde (criando bons hábitos de higiene), da violência e do social, na medida em que favorece a cidadania.

 

Merece destaque, portanto, o trabalho do Todos pela Educação (TPE), movimento da sociedade brasileira, apartidário e plural, fundado em 2006 e que visa engajar o poder público e a sociedade brasileira no compromisso pela efetivação do direito das crianças e jovens a uma Educação Básica de qualidade.

 

Como parte desse trabalho, o TPE lançou um programa estabelecendo 5 metas, 5 bandeiras e 5 atitudes capazes de revolucionar a Educação em nosso País. Acreditamos estar fazendo a nossa parte, ao divulgar as 5 metas estabelecidas, que são as seguintes: 

 

1) Toda criança e jovem de 4 a 17 anos na escola - Até o ano de 2022, 98% das crianças e jovens entre 4 e 17 anos devem estar matriculados e frequentando a escola, ou ter concluído o Ensino Médio.


2) Toda criança plenamente alfabetizada até os 8 anos - Até 2010, 80% ou mais, e até 2022, 100% das crianças deverão apresentar as habilidades básicas de leitura, escrita e matemática até os 8 anos ou até o final do 2º ano do Ensino Fundamental.


3) Todo aluno com aprendizado adequado ao seu ano - Até 2022, 70% ou mais dos alunos terão aprendido o que é adequado para seu ano.


4) Todo jovem de 19 anos com Ensino Médio concluído - Até 2022, 95% ou mais dos jovens brasileiros de 16 anos deverão ter completado o Ensino Fundamental, e 90% ou mais dos jovens brasileiros de 19 anos deverão ter completado o Ensino Médio.


5) Investimento em Educação ampliado e bem gerido - Até 2010, mantendo-se até 2022, o investimento público em Educação Básica obrigatória deverá ser de 5% ou mais do Produto Interno Bruto (PIB).


Estas são as 5 metas estabelecidas pelo movimento Todos pela Educação para o ensino em nosso País, até 2022. Cumpri-las é um dever não apenas do Governo, mas de cada cidadão brasileiro; o desenvolvimento e o futuro do Brasil interessam diretamente a todos os brasileiros.


Convidamos você, nosso leitor ou nossa leitora, a refletir sobre estes números e imaginar um Brasil do futuro, em que estas metas sejam cumpridas à risca. Nas próximas colunas, abordaremos as 5 bandeiras e as 5 atitudes. Lembre-se: defender a Educação é um dever de todos nós. Porque todos queremos um Brasil melhor!

  

Bacelar é Deputado Federal, relator do projeto da Lei de Responsabilidade Educacional, que integra o PNE- Plano Nacional de Educação.

Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email [email protected] Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade
Publicidade