Patric está fora da partida contra o Corinthians, marcada para domingo, na Arena Fonte Nova (Foto: Maurícia da Mata / Divulgação / EC Vitória)

A relação de desfalques do Vitória ganhou um novo integrante nesta semana. O lateral-direito Patric se queixou de dores musculares após o empate sem gols com o Avaí, realizou exames e foi vetado da partida contra o Corinthians, marcada para domingo, às 16h (de Brasília), na Arena Fonte Nova, pela 2ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em entrevista ao GloboEsporte.com, o médico do clube, Rodrigo Vasco da Gama, não deu um prazo de recuperação para o atleta.

- Patric tem lesão na parte anterior da cosa, musculatura anterior, de jeito nenhum [tem prazo]. Ele está com dor, examinei hoje à tarde. É uma lesão pequena, mas não deixa de ser lesão.

Além de Patric, o técnico Petkovic não contará com André Lima, Gabriel Xavier, Bruno Ramires, José Welison e Kanu para a partida de domingo. Segundo Rodrigo Vasco da Gama, Kanu realiza tratamento para tratar de dores no joelho.

- Kanu está fazendo um trabalho à parte. Uma instabilidade, um reforço muscular. Disputou os jogos do Campeonato Baiano e Copa do Nordeste, não digo no sacrifício, mas em condição não muito boa. Conversamos, e o Pet entendeu bem.

Em contrapartida, dois jogadores podem voltar a ficar à disposição. Fred está liberado para atuar contra o Corinthians. Outro que não demanda mais cuidados médicos é o atacante Kieza, que realiza treinos físicos na Toca do Leão.

- Kieza está bem, ele está fazendo a parte física. Treinou hoje, um treino controlado. Estamos otimistas para ter ele no banco, apesar de a condição física não estar 100%. Ele está bem. Se o treinador quiser, pode levar ele para o banco - afirmou o médico. 

Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email [email protected] Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade