Material estranho é encontrado dentro de uma das caixas do produto fabricado pela Valedourado (Foto: Divulgação/ leitor via WhatsApp)
Atraída pela promoção de achocolatado, Fabricia dos Santos, moradora do Amado Bahia, não imaginava que ao adquirir 108 caixinhas, encontraria um material estranho dentro de uma das caixas do produto fabricado pela Valedourado – ‘Achocolatado Douradinho e turma’. 

Em contato com a redação do Mais Região, a denunciante afirmou que havia comprado, no final do mês de novembro e que estavam custando na promoção, R$0,48, cada, no supermercado da rede Todo Dia, em Mata de São João.

Na terça-feira (9), ao consumir um dos achocolatados, com validade para abril de 2018, a denunciante revelou que estava com sabor diferente e passou mal após ingerir. Quando abriu a caixinha foi surpreendida com algo que a mesma não conseguiu identificar. “Comprei no Todo Dia o achocolatado e quando fui beber estava com um gosto muito ruim, passei mal. Depois resolvi abrir a caixa para ver o quer tinha dentro. Para meu desespero, tinha algo parecido com um rato no fundo da caixinha”, conta.

null
                            O produto é válido até dia 07 de abril de 2018 (Foto: leitora via WhatsApp)

A denunciante entrou em contato com a vigilância sanitária do município, o órgão recusou receber a caixinha, pois tinha sido aberta, mas afirmou que iria notificar o produto. “Estive na vigilância sanitária do município, a atendente me informou que não iria pegar para análise, pois, a caixa estava aberta. Então, ela (agente da vigilância) pegou os dados do lote e disse que iria no Todo Dia para confiscar o lote do achocolatado”, descreve.

Fabricia ainda contou que entrou em contato com a Valedourado e a empresa pediu que aguardasse, pois ainda não sabe identificar o que houve com o lote.

O achocolatado da Valedourado foi fabricado no dia 07 de outubro de 2017.

Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email [email protected] Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade