Aécio Neves (Foto: Divulgação)

O ministro Alexandre de Moraes, do STF, baixou à primeira instância seis inquéritos e uma ação penal contra parlamentares, entre eles o senador Aécio Neves (PSDB-MG). Ele assinou as decisões nesta terça-feira (8).

O caso do tucano foi remetido à Justiça Estadual, em Belo Horizonte. Moraes comandava inquérito que, baseado nas delações da Odebrecht, apurava se o senador mineiro participou da montagem de um suposto cartel que fraudou licitações para construir a Cidade Administrativa do governo mineiro, uma das obras mais vistosas da gestão do tucano no estado.

O ministro também determinou a remessa de casos ligados aos deputados Roberto Rodrigues Goes, César Hallum, Carlos Henrique Amorim, Luís Nishimori, Lamarck Gomes, Valdir Rossoni e Ricardo Cavalcanti.

Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email jornalismo@maisregiao.com.br. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade
Publicidade