Para sair da zona de rebaixamento, Leão mira triunfo sobre a Chape, na Arena Condá (Foto: Maurícia da Matta / ECVitória)

Faltando dez jogos para o fim do Brasileirão, o sinal de alerta na Toca do Leão está cada vez mais aceso. A sequência negativa de quatro derrotas trouxe graves consequências para o Vitória.

Na 18ª colocação, com 29 pontos, o time precisa quebrar o jejum de triunfos para escapar da zona de rebaixamento. Na manhã desta segunda-feira (8), o elenco iniciou a preparação para a partida contra a Chapecoense, domingo (14), na Arena Condá, e o zagueiro Bruno Bispo pediu foco total para sair da situação incômoda.

"É como a gente conversa sempre: temos que estar tranquilos. Às vezes, a bola não entra, a gente tenta acertar coisa difícil, mas temos que fazer o mais fácil. Momento complicado, não queremos estar nessa situação, mas sabemos que só nós podemos tirar o Vitória dessa. Vamos fazer o possível e o impossível para tirar o Vitória dessa", afirmou o zagueiro, que desponta como provável titular porque Lucas Ribeiro estará a serviço da seleção brasileira sub-20 no fim de semana.

Para concluir a missão de "salvar o Leão" com êxito, Bruno Bispo dá a receita: ser forte em casa e conquistar o máximo de pontos possíveis longe do Barradão. Até o final do torneio, o Vitória terá cinco jogos em casa e outros cinco fora.

"São todos jogos difíceis. Campeonato Brasileiro é disputado. Se a gente for pensar em escolher time para vencer as partidas dentro de casa, não vamos sair dessa situação. Temos que encarar os times e conseguir vencê-los. Tem que ir fora de casa e vencer também", explica o zagueiro.

O aproveitamento do Vitória como mandante na atual Série A é o 15º entre os 20 clubes, com 54,8%, fruto de 23 pontos dos 42 disputados. Fora, é o 16º, com 14% de aproveitamento, consequência de ter marcado apenas seis pontos de 42 possíveis. O único triunfo como visitante foi diante do Vasco (3x2). Tem ainda três empates, contra Botafogo (1x1), Corinthians (0x0) e Fluminense (0x0), e dez derrotas.

Desfalques e retornos


Para enfrentar a Chapecoense, o técnico Paulo Cezar Carpegiani vai ter o retorno do atacante Neilton e do volante Léo Gomes, que cumpriram suspensão na derrota para o Santos por 1x0.

O treinador, no entanto, não contará com o atacante Maurício Cordeiro, que levou cartão vermelho diante do time santista. Quem também está fora é Rhayner, que recebeu o terceiro amarelo e vai cumprir suspensão.

Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email jornalismo@maisregiao.com.br. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade
Publicidade