(Foto: Bruno Rocha / Estadão Conteúdo )

O candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, afirmou hoje (10) que pretende ir até uma enfermaria, se preciso, debater com Jair Bolsonaro (PSL). O capitão reformado do Exército foi vetado do primeiro debate de TV do segundo turno, marcado para amanhã (11), na TV Bandeirantes. Segundo os médicos, ele ainda se recupera da cirurgia ocorrida após a facada sofrida em setembro. 

"Vou até numa enfermaria, na boa, fazer um debate. Vou na enfermaria que ele estiver", disse o petista, que continuou: "Ele falou que não quer se estressar, não vou estressar ele. Vou falar docemente. Não altero a voz. Nem olho para ele se ele ficar com muito receio. Faço o que ele quiser para ele falar o que ele pensa e debater o país. Com assistência médica, enfermaria, em qualquer ambiente", declarou.

Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email jornalismo@maisregiao.com.br. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade
Publicidade