O candidato à Presidência Jair Bolsonaro (Foto: Estadão Conteúdo)

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) afirmou, em entrevista ao programa Conexão Repórter, do SBT, que os militares não ocuparão um terço do seu ministério, caso eleito. "No governo anterior, tinha terroristas e ninguém falava nada. (Tinha) gente do PCdoB à frente do Ministério da Defesa", disse o presidenciável. A entrevista foi exibida na madrugada desta terça-feira, 23. 

Segundo ele, a permissão de posse de armas pela população será um projeto apresentado logo no início do seu eventual governo. Bolsonaro ainda sugeriu o porte de armas para caminhoneiros com o objetivo de combater o roubo de cargas.

O presidenciável negou que haja risco de fechar o Congresso. Confrontado sobre uma entrevista em que havia mencionado essa possibilidade, Bolsonaro minimizou: "Disse isso há 20 anos." Ele ainda afirmou que cerca de 120 parlamentares já manifestaram desejo de participar da governabilidade sem participar de "toma lá da cá". 

Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email jornalismo@maisregiao.com.br. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade
-->
Publicidade