Elenco rubro-negro tem seis jogos para manter o time na primeira divisão (Foto: Maurícia da Matta / ECVitória)

Os próximos dias do Vitória serão de decisões. Vivendo situação delicada no Brasileirão - o Leão está na 17ª colocação, com 34 pontos -, o rubro-negro tem mais seis jogos para conseguir terminar o campeonato fora da zona de rebaixamento e se manter na primeira divisão.

Na tentativa de injetar ânimo ao elenco, a diretoria tomou uma atitude drástica e demitiu o técnico Paulo Cézar Carpegiani, a cinco dias do clássico contra o Bahia, domingo (11), às 16h, no Barradão. Segundo Ricardo David, após a medida, um pacto foi firmado com os jogadores para a sequência da temporada. 

"Percebemos que não havia uma motivação. Falei que fiz a minha parte, mudei uma peça, entra um novo treinador, da casa, pessoa jovem, com metodologia jovem, querendo aparecer no cenário. Pedi o apoio de todos e tive esse comprometimento", explicou o dirigente durante entrevista na tarde desta terça-feira (6).

"Motivação é muito pessoal, cada um se motiva por um motivo diferente. Percebi que há uma motivação maior, um comportamento diferente. Mas só poderemos ver isso mesmo depois do Ba-Vi. Disse a eles que Não adianta palavras se não se traduzir dentro de campo. Domingo teremos a primeira amostra, vamos checar isso. Se há uma diferença", continuou o cartola.

Questionado se prometeu algum tipo de premiação para que os atletas consigam menter o Vitória na Série A, Ricardo explicou que o bônus por conquistas foi decidido ainda no início do campeonato. Nesta quarta-feira (7), o elenco do Vitória volta aos treinos sob o comando de João Burse e dará sequência aos preparativos para o Ba-Vi. 

"Fizemos já desde o início do ano todo um acerto que já era muito incentivador. Criamos um modelo que a medida que o campeonato avança, as premiações aumentam. Isso foi feito para evitar definições de última hora. Cada vitória é uma premiação maior que a anterior. O que vi hoje dos atletas foi muito maior que isso. Foi um comprometimento, uma responsabilidade que cada um tem nesse momento", disse.

Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email jornalismo@maisregiao.com.br. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade
Publicidade