O assaltado no início da noite desta segunda-feira (7), na BA 512, na altura do distrito de Amado Bahia (Foto: Divulgação)

Um ônibus da empresa Cidade das Águas, que faz linha Mata de São João X Dias d’Ávila, foi assaltado no início da noite desta segunda-feira (7), na altura do distrito de Amado Bahia. O caso foi registrado na 36ª Delegacia Territorial de Mata de São João.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, dois homens armados surpreenderam o motorista no momento em que ele reduzia a velocidade do veículo para passar em um ‘quebra-molas’, que antecede a ponte que liga os dois municípios.

Durante a ação, os criminosos entraram no ônibus e roubaram vários aparelhos celulares, além de uma quantia em dinheiro no valor total de R$266,60. Conforme relatos de testemunhas, para não serem identificados, os bandidos usaram uma camisa cobrindo o rosto.

Em contato com a reportagem do Mais Região (9 99663-6360) leitores informaram que assaltos na localidade são constantes e que os criminosos têm colocado troncos de árvores na pista, fazendo com que os motoristas reduzam a velocidade para cometer o crime.

Outro assalto – No dia 5 de novembro, um ônibus da empresa Cidade das Águas que fazem linha Mata de São João X Dias d’Ávila  foi alvo de bandidos. O assalto aconteceu próximo ao distrito de Amado Bahia, onde os bandidos ficaram escondidos e quando o motorista reduz a velocidade do veículo para passar no quebra-molas, eles aproveitaram e anunciaram o assalto.

Conforme o leitor, após três dias do ocorrido houve uma tentativa de assalto, mas o motorista ‘arrastou’ o ônibus sem hesitar. "Duas vezes fiquei no ponto e o último carro não passou. Sem contar que o problema prejudica quem trabalha em Dias d’ Ávila e mora em Mata", afirma um leitor.

Falta de iluminação – Outro fator que também contribui com a ação de criminosos é a falta de iluminação. “Essa ponte que liga as duas cidades também está precisando de uma reforma e iluminação ambos prefeitos das cidades entrarem em um consenso para a reformar”, solicita o leitor.null

Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email jornalismo@maisregiao.com.br. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade
Publicidade