(Foto: Divulgação/Polícia )
Uma ação conjunta entre polícia civil e militar prendeu em flagrante, na tarde desta quinta-feira (10), três homens acusados de furtar tubos de ferro da empresa PetroReconcavo, na zona rural de Mata de São João.

Após denuncia anônima, foram detidos: Anderson Bispo dos Santos, Elias de Jesus e Adilson de Jesus Bonfim, além de um menor com iniciais L. S. F. Em posse dos acusados, foram encontrados: onze serras, arco para serras, um facão, um canivete, luvas, lanternas, entre outros. 

O trio é acusado de tentar furtar tubos de uma linha ativa na terça-feira (8), que resultou no derramamento de óleo. A ação, que provocou dano ambiental, poderia ter também provocado incêndio na vegetação. 

Os acusados foram apresentados na 36ª delegacia territorial.

null

Desde 2017, o delegado titular de Mata de São João, Euvaldo Costa, vem investigando o furto de tubulações na zona rural da cidade. Na época, a polícia civil localizou e conduziu um dos receptores do material no município de Cabaceiras do Paraguaçu, a 150 km da Capital. 

Pelo menos 1,2 mil metros de tubos foram encontrados pela polícia num galpão de propriedade do receptor. 

Os receptadores chegam a pagar R$ 50, por cada tubo de 6 metros. Os dutos furtados são usados também em portões, currais, cerca de pasto e pier. 

Segundo a polícia, as quadrilhas agem durante a madrugada em locais ermos. 
null

Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email jornalismo@maisregiao.com.br. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade
Publicidade