Última campanha do acesso, em 2015, terminou na Fonte Nova (Foto: Reprodução )

O Vitória anunciou na tarde desta segunda-feira (9) ter chegado a um acordo com a Arena Fonte Nova. Segundo o comunicado oficial, feito nas redes sociais do clube, o rubro-negro mandará seus jogos no estádio pelos próximos três anos. 

O contrato vai até dezembro de 2022. Com isso, o Leão jogará lá pelos meses restantes da temporada 2019 e mais três temporadas inteiras. A primeira partida já será no sábado (14), contra o Guarani, às 16h30, pela 22ª rodada da Série B. Até o fim da competição, o time jogará nove vezes na Fonte Nova.

 É com satisfação que o Esporte Clube Vitória e a Itaipava Arena Fonte Nova comunicam a celebração do contrato de parceria, na data de hoje (9/9), para a realização de jogos pelos próximos três anos.

O primeiro jogo já acontecerá neste sábado (14/9), às 16h30, contra o Guarani.

Com a mudança para o palco da Copa do Mundo de 2014, o Vitória aguarda a associação em massa do seu torcedor. O clube criará novos planos de sócios para diversificar o acesso ao estádio, com diferentes categorias de preço.

O rubro-negro também iniciará uma campanha publicitária. Apesar de não ter divulgado as bases do contrato com a Fonte Nova, sabe-se que a associação é parte importante das receitas do clube na arena.

A assinatura do contrato aconteceu na manhã desta segunda-feira (9). O Vitória havia recebido a minuta do contrato na quinta (5) e acertado os detalhes finais na sexta.

O rubro-negro não manda jogos na arena desde o primeiro semestre de 2017. Sua última partida lá, como mandante, foi contra o Coritiba, no dia 27 de maio daquele ano, pela 3ª rodada da Série A. O Leão perdeu o jogo por 1x0.

Até o momento, o clube não informou como pretende utilizar o Barradão. A tendência é que o estádio próprio continue sendo usado nas partidas das divisões de base.

Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email jornalismo@maisregiao.com.br. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade
Publicidade