colunista

Leonardo Rodrigues

Carioca da gema e baiano de coração, é estudante de Educação Física, reside em Praia do Forte. Escreve uma vez por mês.

 Que homens e mulheres possuem diferenças fisiológicas entre si, você já sabia, mas sabe quais são as diferenças fisiológicas referentes às valências físicas?  Se você não faz ideia do que seja, ou não lembra o que são valências físicas, calma. Vou explicar o que é isso e depois nós vamos para as diferenças.

Valências físicas são todas as qualidades físicas motoras que são passíveis de treinamento, ou seja, força, resistência, velocidade, tempo de reação, flexibilidade, coordenação motora, equilíbrio, dentre outras.

A título de curiosidade, muitos se confundem e acreditam que reflexo e hipertrofia são valências físicas, mas não são! O reflexo é uma ação involuntária do nosso corpo, geralmente para autopreservação, por isso, quando o goleiro do seu time faz uma defesa incrível, ele tem um excelente tempo de reação, não reflexo. Enquanto a hipertrofia, que é o aumento do tamanho das células musculares, é uma consequência do treinamento e não uma valência física.

Pois bem, prosseguindo com nosso tema, agora que entendemos o que são essas tais valências físicas, pensa um pouco comigo, quais serão as diferenças entre meninos e meninas jovens, bem jovens, antes da adolescência? Se você não conseguiu identificar diferenças fisiológicas, não se preocupe, é por que não há mesmo.

Todos nascemos com força, flexibilidade, coordenação, etc., muito similares, a diferença é pequena e tem a ver com a carga genética que carregamos e com a forma que elas foram desenvolvidas nos anos anteriores. Mas isso muda com a chegada da adolescência, principalmente por conta dos hormônios.

Os meninos têm uma grande produção de testosterona, enquanto as meninas produzem progesterona e estrógeno. E é justamente por conta desta variação que desenvolvemos características diferentes.

Os homens tendem a crescer mais, consequentemente, terem mais massa muscular, tornando-se mais fortes e mais velozes. Com esse crescimento também desenvolvem um pulmão e coração maiores, possibilitando uma maior capacidade cardiorrespiratória. É notável que os homens possuem um desempenho melhor em esportes aeróbicos, como corrida, natação e ciclismo, e em atividades que exijam força física, como o levantamento de peso olímpico.

Por outro lado, as mulheres desenvolvem muito melhor a flexibilidade, o equilíbrio e a coordenação motora, de modo que levam vantagem em modalidades que exijam movimentos plásticos e coordenados, como as ginásticas artística e rítmica e a dança.

 É claro que estou falando de forma generalizada e toda regra tem suas exceções. Estas características retratam a média e não os casos excepcionais. Portanto, podemos dizer que há uma tendência fisiológica de que as mulheres sejam mais flexíveis, coordenadas e equilibradas do que os homens. Porém com certeza existem muitas mulheres mais fortes, mais velozes e com melhor capacidade aeróbia do que muitos homens. É importante deixar claro que todos podemos treinar e desenvolver bem qualquer valência física, independente de sexo, idade, classe ou cor.

 Então, apesar de apontarmos cada uma dessas diferenças fisiológicas, não podemos leva-las ao pé da letra, não é por que eu sou homem que eu serei mais forte do que todas as mulheres, isso não faz sentido. Mas, com certeza, um homem terá uma tendência biológica a desenvolver mais a força do que a flexibilidade.

Agora que entendemos quais são as diferenças fisiológicas referentes às valências físicas entre homens e mulheres, que tal trabalhar as suas valências físicas menos desenvolvidas?

E com esse estímulo eu encerro meu texto, até o mês que vem!

Comentários

AVISO - Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie através do nosso whatsapp 71 99663.6360 ou do email jornalismo@maisregiao.com.br. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal. TERMOS DE USO

mais notícias » Leia também

Publicidade
Publicidade